quinta-feira, 2 de março de 2017

Jejum intermitente combate Parkinson, Alzheimer e depressão

De acordo com pesquisas conduzidas pelo neurocientista Mark Mattson e outros, cortar a ingestão de energia jejuando vários dias por semana pode ajudar o cérebro a prevenir doenças degenerativas como Alzheimer e Parkinson e, ao mesmo tempo, melhorar a memória e o humor.... Fonte: Wbentos.

Tenho poucas referências deste artigo, mas o cito pelo fato de ser tema relevante.

Artigo no original: Are There Any Proven Benefits to Fasting? (spring / summer 2016)

Nenhum comentário:

Postar um comentário