sábado, 18 de julho de 2015

França investiga ‘homicídio involuntário’ por pesticidas

15 de julho de 2015 | A morte do produtor de vinho James-Bernard Murat de câncer de pulmão em 2012 está sendo investigada como um “homicídio involuntário” em decorrência do uso de pesticidas por mais de 40 anos em sua propriedade em Bordeaux.

O processo foi aberto por sua filha Valerie na Corte de Paris e o réu tem sua identidade mantida em sigilo. Segundo ela, seu maior objetivo é “quebrar” o silêncio sobre os efeitos trazidos pelos pesticidas. Em 2012, o governo relacionou o uso de pesticidas à doença de Parkinson de trabalhadores rurais. A França é responsável por 25% dos pesticidas usados na Europa. Fonte: O Estado de S.Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário